Jornal JF
Fique por dentro das últimas notícias sobre INSS, economia, auxílios, 13º salário, FGTS e impostos com o Jornal JF - o mais completo e confiável

Serasa Experian pode pagar até R$ 30.000 por vazamento de dados, afirma MPF!

Após ter dados vazados, consumidores podem solicitar o pagamento de indenização da Serasa Experian. Confira como ocorrerá o pagamento da indenização!

0

Serasa Experian, uma das maiores empresas de proteção ao crédito do Brasil, pode ter que pagar cerca de R$ 30.000 em indenizações para os consumidores lesados devido a um recente vazamento de dados, segundo petição iniciada pelo Ministério Público Federal (MPF).

O vazamento, que afetou milhões de usuários, expôs informações pessoais e privadas, fazendo dos consumidores potenciais alvos para atividades fraudulentas. Confira mais informação sobre o pagamento da indenização do Serasa.

O que aconteceu?

Confira detalhes da indenização do Serasa! (Fonte: Reprodução Google).
Confira detalhes da indenização do Serasa! (Fonte: Reprodução Google).

O vazamento resultou na exposição indevida de informações pessoais dos usuários, tornando-os vulneráveis a possíveis fraudes e violações de privacidade. Nese sentido, como resultado, a Serasa se viu na obrigação de regularizar a situação de milhares de pessoas.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS do JORNAL JF pelo WhatsApp

Detalhes da indenização

Inicialmente, o pedido de indenização ocorreu pelo Instituto Sigilo, que solicitava um pagamento de R$ 15.000. Entretanto, o MPF pediu um aumento dessa quantia para R$ 30.000, considerando a gravidade do vazamento.

Leia mais: INSS Tem Nova Taxa Para Consignado: Veja Qual Aqui

O Instituto acusou a Serasa Experian de propagar dados relacionados ao comportamento de consumo na internet, histórico de compras e endereços de e-mail. Consta-se até mesmo o vazamento de dados da Previdência Social e da Receita Federal.

Diante dessa situação, o Instituto Sigilo lançou um site para o cadastramento dos consumidores que potencialmente teriam direito a essa indenização.

Leia mais: Minha Casa Minha Vida 2024: Confira como se inscrever para o programa

A defesa da Serasa

Em resposta as alegações, a Serasa afirma que em 2021 demonstrou a ausência de provas de que houve uma invasão aos seus sistemas e cartões de crédito e débito. A empresa argumenta que os documentos apresentados à justiça foram validados por um instituto de perícia respeitado.

A empresa enfatiza ainda que tanto o pedido feito pelo MPF quanto pelo Instituto Sigilo foram indeferidos pela justiça. Agora, as partes envolvidas aguardam mais esclarecimentos e a decisão final do judiciário.

Leia mais: URGENTE! SUSPENSÃO dos CONSIGNADOS para Aposentados e Pensionistas INSS 2024 – Entenda todos os detalhes 

Devido ao alcance do incidente e à quantidade de consumidores afetados, esta notícia acarreta um marco no segmento de segurança de informações no Brasil. Este incidente serve como um alerta para a importância de sistemas consistentes de segurança digital e proteção de dados pessoais. Mais atualizações sobre o caso serão fornecidas à medida que os detalhes se tornarem disponíveis.

Veja Também:

PAGAMENTO PARA TODOS!! R$ 1310,00 extra!! (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.